Histórias Reais: Mulheres Conquistando seu Espaço no Mercado de Trabalho

Entrevista com: Alessandra Falsarella, Coordenadora de Rh do Femme, Laboratório da Mulher e criadora do Podcast: Foca no trabalho!

0
1320

A desigualdade entre homens e mulheres ainda existe no mercado de trabalho, mesmo com as mulheres conquistando espaços onde antes não havia. Quando falamos em salários iguais, cargos de liderança, maternidade, entre outros pontos, vemos um longo caminho a percorrer. 

Vamos hoje nos inspirar na história e trajetória profissional da Alessandra Falsarella, Coordenadora de RH do Femme – Laboratório da Mulher e criadora do Pod Cast – Foca no Trabalho! uma mulher que conquistou o seu espaço no mercado de trabalho. 

Conta um pouco a sua trajetória profissional?

Iniciei na área de RH no ensino médio, por conta disso a escolha na minha graduação foi muito influenciada. Escolhi Psicologia, mas não sabia muito bem o que era e o que poderia trabalhar. Comecei a estagiar na área e trabalhei em diversos segmentos, fui tentando aproveitar cada oportunidade e o espaço que possuía para aprender mais. Sempre gostei do fazia, e isso fez muita diferença.

Quais foram as maiores dificuldades que encontrou nesse caminho?

A área de RH sempre foi mais feminina, por isso não sentia dificuldade de ser mulher dentro dela, entretanto fora da área sempre foi complicado. Percebia a necessidade de justificar mais, explicar mais porque as demais áreas, geralmente dominada por homens, por exemplo em reuniões, outros profissionais não necessitavam tanta justificativa, isso eu senti de diferente, era como se a nossa opinião ou experiência não fosse suficiente. 

Já se encontrou em alguma situação onde perdeu uma oportunidade por ser mulher?

Diretamente que eu tenha notado ou sabido, não. Mas já sofri preconceito e perder oportunidades profissionais por estar gorda. As entrevistas por telefone o selecionador ficava super animado, até quando eu chegava pessoalmente e ser gorda. Mas só fui reparar isso depois que emagreci, hoje vejo isso descaradamente. Importante ressaltar que trabalho igual agora sendo magra e quando era gorda, nada mudou na minha entrega. 

Qual a importância do papel das empresas na luta pela igualdade de gênero?

Os RHs precisam estruturar as remunerações de forma igual, se eu pago um tanto para um homem tenho que pagar o mesmo para a mulher, geralmente as mulheres são mais qualificadas que os homens, então fica difícil justificar essa diferença.

Grupos de apoio estão ganhando força entre as mulheres. Você fez ou faz parte de alguma rede de apoio à mulher?

Infelizmente não, mas gostaria de ajudar mais, quero abrir um espaço para mentoria de mulheres que estão no início da carreira em RH. Aproveito o espaço, quem tiver interesse me procura ou compartilhar com uma colega que está iniciando na área. 

Qual recado você daria para mulheres que estão começando a carreira ?

Estude, o conhecimento sempre vai te tirar de roubadas, quando dependemos de algo ou de alguém passamos a ficar mais vulneráveis ainda. Quando temos consciência e conhecimento fazemos escolhas sabendo do porquê. Vamos errar e isso faz parte do processo. E infelizmente  você terá pessoas a sua volta te desencorajando isso faz parte da vida, mas quando dentro de você existe uma certeza, isso te dá força para continuar, não importa o caminho, persistência é necessário para alcançar o que busca. 


LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here